31/01/2018

O Tempo/MG: Pesquisadora cria chocolate que faz o intestino funcionar

Pesquisas já comprovaram que, consumido com moderação, o chocolate meio amargo pode ser saudável devido a suas características antioxidantes. Agora, um estudo da Universidade de São Paulo (USP) agregou mais um benefício à guloseima – dois probióticos – criando o chocolate meio amargo funcional, que melhora as funções intestinais e ajuda a reduzir o risco de doenças no intestino.

“A gente pensou em acrescentar um alimento funcional como alternativa para as pessoas que têm intolerância à lactose e que não podem consumir os produtos lácteos com essas características”, explica a engenheira de alimentos Marluci Palazzolli da Silva, autora da dissertação de mestrado, feita na Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos da USP, que deu origem ao produto, e doutoranda na mesma unidade.

Leia mais no jornal O Tempo:

http://www.otempo.com.br/interessa/sa%C3%BAde-e-ci%C3%AAncia/pesquisadora-cria-chocolate-que-faz-o-intestino-funcionar-1.1561385