Laboratório - Programa de Equipamento Multiusuários (EMU) da FAPESP

 

Informações sobre o RVA - Analisador Rápido de Viscosidade
Analisador Rápido de Viscosidade - Rápid Visco Analyser ™ - RVA 4500 – foi adquirido pela FAPESP vinculado ao projeto regular “Alimentos processados mais saudáveis: desenvolvimento e avaliação de produto com baixa atividade de água enriquecido com proteínas e fibras” (Processo No. 2010/1902-5).


Fonte: www.perten.com

O RVA 4500 apresenta as seguintes especificações: análise de viscosidade de 20 – 50.000 cP a 80 rpm e 10 a 25.000 cP a 160 rpm e faixa de cisalhamento de 0, – 2000 rpm.

O princípio da análise de perfil de viscosidade de amidos, farinhas e derivados utilizando analisador rápido de viscosidade (RVA) é similar ao Amilógrafo, porém o RVA fornece maior flexibilidade de condições de testes, necessita de menor quantidade de amostra, maior facilidade de preparo e rapidez na análise. O equipamento está integrado ao software TCW3 para controle e análise dos dados. O perfil de viscosidade utilizando RVA é aceito internacionalmente, de acordo com o método da AACCI 61-02.01.

Agendamento de Uso
Centro de Tecnologia de Cereais e Chocolates – CEREAL CHOCOTEC
Instituto de Tecnologia de Alimentos – ITAL
E-mails: nabeshima@ital.sp.gov.br ou cris@ital.sp.gov.br

Exigências para Utilização do Equipamento Multiusuário
O equipamento estará disponível para uso nas pesquisas científicas, que envolvam o estudo da reologia de amidos, farinhas e derivados, desenvolvidos por pesquisadores e docentes, e seus alunos de iniciação científica, graduação, mestrado, doutorado e pós-doutorando.

O solicitante deverá contatar o Cereal Chocotec e apresentar um resumo do projeto de pesquisa, assim como a justificativa da necessidade de uso do equipamento, informações sobre a amostra e definição das condições de análise para aprovação do uso pelo comitê gestor. Os iniciantes deverão realizar um treinamento prévio com a equipe do laboratório.

Caberá ao usuário externo que tiver sua solicitação aprovada, todo o ônus financeiro para viabilizar a realização dos experimentos, através do pagamento de valor proporcional ao número de análises (rateio referente à calibração do equipamento e consumíveis: hélice, recipiente de alumínio; e reagentes, quando necessário). O usuário terá a responsabilidade quanto ao uso correto dos equipamentos e manutenção das condições de ordem e organização do laboratório. Danos causados aos equipamentos por descuido ou uso incorreto (após receber orientação do técnico responsável pelo equipamento) serão de responsabilidade do usuário externo.

O comitê de usuários poderá negar a utilização do equipamento se entender que o projeto solicitado poderá causar danos ao equipamento decorrente da má indicação de uso.

Comitê de Usuários:

Pesquisadores:

  • Elizabeth Harumi Nabeshima
  • Cristiane Rodrigues Gomes Ruffi
  • Carla Léa de Camargo Vianna Cruz
  • Flávio Martins Montenegro

Técnicas:

  • Christiane Aparecida Ruiz Mendes
  • Silvia Helena Savoia Biondi

Comitê Gestor:

Pesquisadores:

  • Elizabeth Harumi Nabeshima
  • Cristiane Rodrigues Gomes Ruffi

ITAL - Instituto de Tecnologia de Alimentos | Av. Brasil, 2880, Campinas, SP - CEP 13070-178 - Caixa Postal 139 | Tel: 19 3743 1700 / Fax: 19 3743 1799 ital@ital.sp.gov.br